Numa recente apresentação de Kingsman: O Círculo Dourado em Londres, Matthew Vaughn revelou que já tem ideias para Kingsman 3. Leiam em baixo a tradução do artigo publicado pela Deadline:

[…]

Num recente evento na passada sexta-feira em Londres, Vaughn mostrou à imprensa presente o primeiro ato do próximo filme de Kingsman. Depois de revelar cerca de meia hora de filmagens, ele sentou-se para uma breve Q&A, onde disse que enquanto estava a trabalhar neste filme com o co-escritor Jane Goldman estavam também a escrever o roteiro a pensar numa terceira parte para a saga.

“Estranhamente, enquanto estávamos a escrever Kingsman 2, estávamos a pensar em Kingsman 3, o que é estranho”, disse Vaughn. “Temos uma grande ideia. Este é o tipo de ponte necessária e se pudermos puxar isto para fora, faremos outro.”

Se o primeiro ato for qualquer coisa por aí perto, eu diria que estamos a olhar provavelmente para um próximo filme. Kingsman: O Círculo DouradoTaron Egerton a voltar como Eggsy, acompanhado por Channing Tatum, Halle Berry, Julianne Moore, Jeff Bridges e Mark Strong.

Enquanto não estou autorizado a revelar spoilers ou detalhes do enredo, os fãs do primeiro filme não vão ser decepcionados com base na primeira meia hora: há muita ação, muita violência, peças de grande conjunto e sagacidade rápida. Não houve imagens da nova organização americana The Statesmen, que aparece no trailer, mas Vaughn revelou que inspirou o novo grupo de atores icónicos dos EUA, como Burt Reynolds e Steve McQueen, como fez com Kingsman (que ele disse, por sinal, não é inspirado por Bond, mas por David Niven).

“Estava muito hesitante em fazer uma sequela puramente porque tantas sequelas não melhoraram a experiência”, disse Vaughn. “Normalmente são maiores, mas não necessariamente melhores.”

[…]




Empire Magazine divulgou novas imagens de Kingsman: The Golden Circle e falou recentemente com o realizador Matthew Vaughn que revelou novos detalhes sobre o filme.

“Há uma oportunidade com Kingsman 2 de torná-lo maior, mais ousado, engraçado e mais louco”, diz Matthew Vaughn sobre The Golden Circle, o seguimento de 2014 de Kingsman: The Secret Service. Dado que o filme apresentou Colin Firth louco numa igreja, uma sequência onde um monte de cabeças explodem, é uma declaração ousada. “A sequência da igreja, todos querem voltar a ver algo assim”, diz ele. “Mas temos sequências de ação que são tão originais, mas diferentes.”

Não seremos capazes de avaliar completamente as reivindicações “mais ousadas, mais engraçadas, mais loucas” até setembro, quando o The Golden Circle chegar aos cinemas. Mas maior é quase um dado. A sequela adicionou uma série de grandes nomes ao elenco, graças à introdução da nova organização de agentes secretos americana, Statesman. Há Halle Berry como o guru da tecnologia dos estadistas, Ginger, Jeff Bridges como o seu líder, o agente Champagne (ou Champ, como ele prefere), e Pedro Pascal como o agente Jack, que se junta a Eggsy de Taron Egerton para tentarem apanhar Poppy, Julianne Moore, uma vilã megalomaníaco que Vaughn descreve como “namorada da América que deu errado”.

E aqui, como parte de duas novas imagens do filme, temos um novo vislumbre em Channing Tatum como um desses homens de Statesman, um espião arrogante estilo cowboy como agente Tequila. “Eles são grandes personagens”, diz Vaughn sobre as novas adições. “Eles são multi-bilionários com jatos enormes, e a sua base é uma destilaria gigante em Kentucky.” O que explica os apelidos referentes a álcool, então. “Nós temos tudo isto, combinamos a parte Americana o Inglês.”

Outra imagem exclusiva mostra Egerton que volta ao papel de Eggsy, o menino das ruas feito num espião. “Nós temos uma grande história para Eggsy”, diz Vaughn. “Onde ele vai? O que ele tem que aprender? E agora ele tem um enorme dilema moral que o público vai se relacionar totalmente”. Além disso, se a presença de um Sr. Colin Firth é qualquer coisa, ele pode ter que lidar com uma explosão inesperada do passado no aparentemente regresso da morte de Harry Hart. Mas para descobrir mais sobre isso, e realmente mais sobre o que o misterioso The Golden Circle é, vamos ter que esperar um pouco…

Kingsman: O Círculo Dourado chega a 29 de setembro.




EW divulgou as primeiras fotos de Kingsman: The Golden Circle e também publicou novos detalhes sobre a sequela prevista para chegar aos cinemas a 29 de setembro.

Kingsman: O Serviço Secreto introduziu o mundo a Kingsman – uma agência de inteligência internacional independente que opera ao mais alto nível de discrição, cujo objetivo final é manter o mundo seguro. Em Kingsman: The Golden Circle, os nossos heróis enfrentam um novo desafio. Quando o seu quartel-general é destruído e o mundo é mantido como refém, a sua jornada os leva à descoberta de uma organização de espionagem aliada nos EUA chamada de Statesman, que remonta ao dia em que ambos foram fundados. Numa nova aventura que testa a força e inteligência dos seus agentes até ao limite, estas duas organizações secretas de elite unem-se para derrotar um implacável inimigo comum, a fim de salvar o mundo, algo que está a tornar-se um hábito para Eggsy…

Dirigido por Matthew Vaughn de um guião de Jane Goldman e Vaughn, com base no livro de banda desenhada The Secret Service de Mark Millar e Dave Gibbons, Kingsman: O Círculo Dourado é estrelado por Colin Firth, Julianne Moore, Taron Egerton, Mark Strong e Halle Berry. Sir Elton John, e Channing Tatum, e Jeff Bridges.

Fonte




Kingsman: The Golden Circle foi ontem apresentado no CinemaCon em Las Vegas durante o painel da 20th Century Fox, na apresentação foi divulgado o primeiro trailer do filme que recebeu óptimas reacções da audiência.

Em baixo leiam um artigo traduzido do The Hollywood Reporter:

A frequentemente subjugada multidão de Las Vegas reagiu fortemente ao primeiro trailer de Kingsman: The Golden Circle, dando-lhe um dos maiores elogios da convenção.

O trailer de Kingsman: The Golden Circle revelou novos detalhes da sequela de Matthew Vaughn, como detalhes sobre as personagens interpretados pelos recém-chegados Channing Tatum, Julianne Moore, Halle Berry e Elton John.

O trailer começa com uma cena em que Eggsy (Taron Egerton) está a divertir-se com um carro de espião – completado com mísseis. Mas logo as coisas mudam, quando Kingsman descobre que eles têm um inimigo desconhecido pela frente.

Quando a mansão de Kingsman explode, Eggsy e Merlin (Mark Strong) viajam para Kentucky para conseguir apoio. Lá, eles encontram a personagem interpretada por Channing Tatum, um tipo de operário de espionagem do sul que tem abundância em gadgets próprios (entre eles: um lasso que pode cortar um homem em dois).

Harry (Colin Firth) faz também uma aparição, onde volta do mundo dos mortos com um olho tapado.




Leiam em baixo a tradução do artigo publicado pelo site ComingSoon:

A produção para o próximo filme de Robin Hood da Lionsgate está programada para começar na próxima semana em Dubrovnik, na Croácia, durante uma conferência de imprensa sobre a sua produção no país, o diretor Otto Bathurst falou sobre o que ele espera fazer com o filme e a sua relevância social.

“Para ser honesto, quando este filme foi-me inicialmente oferecido, recusei-o imediatamente”, disse Bathurst. “O mundo não precisa de outro filme de Robin Hood, nós tivemos o suficiente. Mas quando comecei a olhar para ele e a investigar sobre este homem e lenda, a história parecia-me mais relevante hoje do que nunca. Para mim, fazer um filme é sobre refletir no que está a acontecer no momento, para trazer de volta algo para a humanidade, para a sociedade. Portanto, há um propósito para o filme, em vez de puro entretenimento. Mas também queremos divertir. Todos os dias o filme parece ser cada vez mais importante. Esta será uma grande paz de entretenimento, mas há também um subtexto real para o filme sobre o governo, a corrupção e o poder do indivíduo para trazer a mudança para a sociedade. É cerca de 99% sendo governado por 1% e se qualquer um de nós, qualquer homem normal tem a força e a coragem de levantar-se e lutar pela verdade, então a verdadeira mudança pode acontecer. Esta é a forte mensagem de Robin Hood e vai ser uma mensagem ainda mais forte do meu Robin Hood”.

O elenco do novo filme de Robin Hood inclui Taron Egerton (Kingsman: O Serviço Secreto, Eddie the Eagle) como o herói, Jamie Foxx (Django Unchained, Ray) como Little John, Jamie Dornan (Fifty Shades of Grey) como Scarlet, Eve Hewson (Ponte dos Espiões) como Maid Marion, Tim Minchin (Californication) como Friar Tuck, e Paul Anderson (Peaky Blinders, The Revenant) num papel ainda não revelado.

Descrito como tendo um “tom arenoso”, o filme encontra Robin Hood a voltar das Cruzadas para descobrir uma floresta de Sherwood cheia de corrupção. Associando-se a um bando de bandidos, ele toma as coisas nas suas próprias mãos para corrigir o mal, com muito pouca alegria ao longo do caminho.

Bathurst dirige a partir de um guião de Joby Harold. Robin Hood é produzido por Leonardo DiCaprio, Jennifer Davisson Killoran, Basílio Iwanyk, Tory Tunnell e Joby Harold. O filme deve chegar aos cinemas em março de 2018.




Leiam em baixo a tradução do artigo do IBTimes:

Depois de ter impressionado o público na comédia de ação Kingsman: O Serviço Secreto e na biografia de coração Eddie The Eagle, alguns seriam rápidos em sugerir que o ator galês Taron Egerton está rapidamente tornar-se um-para-assistir quando se trata de passeios engraçados ou o mais leve no mundo de cinema. No entanto, Egerton revelou recentemente que espera conseguir se ramificar em papéis um pouco mais dramáticos num futuro próximo.

Enquanto promovia o seu próximo filme Sing em Londres, ele falou sobre o tipo de filme que quer fazer mais adiante na linha da sua carreira, bem como com quem ele adoraria fazer esses filmes. “Eu sinto que nos últimos dois anos, tenho tido muita sorte de trabalhar com grandes estrelas estabelecidas, mas há muitos jovens atores de quem sou grande fã com quem eu adoraria trabalhar”, o Bafta-nomeado explicou ao IBTimes UK.

“Sabem, Will Poulter, Jack O’Connell, Adam Driver… pessoas assim, atores incríveis e jovens que realmente se estabeleceram no mundo do cinema.”

De facto, Egerton é grande fã de Poulter, em particular, que não se importou que ele tenha ficado com o papel que queria no filme de Alejandro Gonzalez Iñárritu, o drama vencedor de um Oscar, The Revenant…

“Eu não me importo de dizer que fiz uma audição para o mesmo papel que ele e ele mereceu obtê-lo”, ele admitiu. “Eu quero fazer esse tipo de filme. Eu não tomei a decisão consciente de fazer coisas que têm uma veia cómica. Eu gosto de as fazer, mas adoraria um par de papéis como os de Adam Driver, realmente adoraria! Espero que, se as coisas continuarem bem, uma dessas oportunidades chegue.”

Antes que ele possa aparecer em qualquer papel mais dramático, Egerton será visto – ou mais precisamente ouvido – na animação Sing junto a nomes como Scarlett Johansson, Reese Witherspoon e Matthew McConaughey. No filme, ele interpreta o gorila Johnny, que quer nada mais do que abandonar o gangue criminoso da sua família e tornar-se num artista. O filme será lançado nos cinemas do Reino Unido a 27 de janeiro.




Leiam em baixo a tradução do artigo da Standard.co.uk:

Taron Egerton diz que adorava entrar no smoking de Daniel Craig e tornar-se no próximo James Bond – mas ele acha que precisa de deixar crescer a barba.

O ator já interpretou um espião em Kingsman: O Serviço Secreto e vai voltar a vestir o papel de Eggsy na sequela Kingsman: O Círculo Dourado.

Craig, de 48 anos, disse que “preferiria cortar os meus pulsos” do que aparecer noutro filme de Bond – mas reservou “o direito de mudar de ideia”.

Egerton está entre uma série de estrelas britânicas que foram elogiadas como possíveis substituições, incluindo Tom Hardy, Idris Elba e Aidan Turner.

Mas aos 27 anos, o galês acredita que ainda é muito jovem para o papel. “Acho que a maioria das pessoas adoraria fazê-lo, mas acho que preciso de deixar crescer mais a barba antes de fazer isso”, disse ele.

“Eu seria um Bond muito ‘boyish’, não? Portanto, não há verdade nisso, neste no momento.”

O seu papel atual está num mundo longe de Bond – ele interpreta um gorila na animação Sing, que também estrela Scarlett Johansson, Matthew McConaughey e Reese Witherspoon.

Ele disse: “Eu prometo e juro que cantei tudo sozinho. E o mesmo vale para todos os outros. Acho que é por isso que eles querem pessoas que sabem cantar.”

Ele acrescentou: “Foi uma ambição minha antes mesmo de querer interpretar de me envolver na animação. Eu costumava desenhar e fazer figurinhas de plástico e assistir ao Wallace e Gromit. Então, fazer parte de um filme de animação como este é realmente um sonho.”

Ele disse que adoraria ter uma carreira semelhante à de Hugh Jackman, o seu co-estrela em Eddie The Eagle. “Ele é muito bom ator e cantor”, disse ele. “Eu adoraria se as pessoas pensassem em mim dessa maneira. Adoro cantar o quanto gosto de atuar.”




Official Charts divulgou hoje a lista dos 40 DVDs/Blu-rays mais vendidos de 2016. Legend, no qual o Taron Egerton interpreta Mad Teddy Smith, aparece em 5º lugar da lista enquanto que Eddie the Eagle, no qual Taron Egerton interpreta Eddie Edwards, encontra-se em 39º lugar.




Com data de estreia prevista para Outubro deste ano, Kingsman: The Golden Circle é uma das grandes estreias mais esperadas.

“Kingsman: O Serviço Secreto foi a surpresa de sucesso em 2014 que lançou o ator Taron Egerton para a fama quase da noite para o dia. O filme é o James Bond da nova era, ele mistura humor afiado com cenas de ação de destaque e… bem, e claro que vai ter uma sequela. Este follow-up está a caminho este ano e verá Eggsy de volta em ação como o mais novo Kingsman. Após os eventos do primeiro filme, há muito para discutir. Quem é o novo líder do Kingsman, agora que o traidor Arthur, Michael Caine, se foi? Como é que Harry Hart, Colin Firth, sobreviveu à bala na cabeça no primeiro filme ?! O que sabemos é que Eggsy irá unir-se a Merlin, Mark Strong, enquanto os dois viajam pelos Estados Unidos para conhecer as suas contrapartes americanas, e os novos membros do elenco incluem Halle Berry, Channing Tatum, Jeff Bridges, Julianne Moore e Vinnie Jones. Impressionante.”

Fonte




The Hollywood Reporter divulgou recentemente uma lista com os 50 filmes mais antecipados de 2017 e Kingsman: The Golden Circle é mencionado na lista:

“Taron Egerton, Mark Strong e até mesmo Colin Firth vão voltar para a sequela da grande surpresa de 2015 baseada na banda desenhada de Mark Millar/Dave Gibbons. Matthew Vaughn dirige novamente a comédia de espionagem com as novas adições ao elenco Halle Berry, Julianne Moore, Channing Tatum e Jeff Bridges.”